Dores abdominais fortes

dores abdominais fortes

Quais são as causas das dores abdominais?

As dores abdominais são frequentes e geralmente causadas por problemas nos órgãos digestivos, como dor ou distensão de estômago. De 20% a 40% dos adultos e de 10% a 20% das crianças sofrem com essa patologia.

Por que a dor abdominal é um desafio para o médico?

A dor abdominal, chamada popularmente de dor na barriga, é muitas vezes um desafio para o médico, dada a grande quantidade de diagnósticos diferenciais possíveis. Na maioria das vezes, a dor abdominal é um evento benigno e autolimitado. Todo mundo já sentiu dor na barriga de leve intensidade que desapareceu sem necessidade de tratamento médico.

Quanto tempo dura a dor abdominal?

A dor abdominal persistente ou crônica, que dura mais de 3 meses, geralmente, é causada por refluxo, intolerâncias alimentares, doença inflamatória do intestino, pancreatite, vermes intestinais ou até câncer, e podem ser mais difíceis de identificar. Tipos de dor abdominal

Quais são as principais formas de dor no abdômen?

Frequentemente se irradia para o abdômen, principalmente nos flancos. Se a pedra estiver obstruindo o ureter próximo à bexiga, a dor pode ser no hipogástrio ou na fossa ilíaca, expandindo-se para a região escrotal. A cólica renal é considerada uma das formas mais intensas de dor que o paciente pode sentir.

Quais são as causas mais comuns de dores no abdômen?

Infecção urinária (cistite) e cólica menstrual são as causas mais comuns. Quadros diarreicos, como gastroenterite viral ou intoxicação alimentar, também podem provocar dores nessa região, mas geralmente estas são mais dispersas por todo o abdômen.

Quais são as causas da dor abdominal persistente?

A dor abdominal persistente ou crônica, que dura mais de 3 meses, geralmente, é causada por refluxo, intolerâncias alimentares, doença inflamatória do intestino, pancreatite, vermes intestinais ou até câncer, e podem ser mais difíceis de identificar. A forma como a dor se manifesta também pode ajudar a encontrar a sua causa, como por exemplo:

Qual é a origem da dor abdominal?

As gastroenterites e os problemas estomacais, quer sejam virais ou por infeções, provocam igualmente muito desconforto na zona abdominal. Estas condições costumam vir acompanhadas de sintomas como a diarreia, os vômitos e as dores tipo pontadas no estômago.

Quais órgãos causam dor abdominal?

Os órgãos dentro do abdômen que podem causar dor abdominal são: fígado, vesícula biliar, vias biliares, pâncreas, baço, estômago, rins, glândulas suprarrenais, intestino delgado (duodeno, jejuno e íleo) e cólon (incluindo apêndice).

Somatização (dor de origem psicológica). Algumas doenças de órgãos não localizados no abdômen/pelve podem apresentar dor abdominal. Esses tipos de manifestações são atípicas, mas volta e meia são vistas na prática médica. Entre essas causas podemos citar: Infarto do miocárdio. Pneumonia. Hérnia de hiato. Derrame pleural. O que é a peritonite?

Quanto tempo dura a dor abdominal?

Quais são os sintomas da dor abdominal?

A dor abdominal, muitas vezes chamada de dor de barriga ou de estômago, é um sintoma bastante comum que se manifesta por meio de um incômodo na região entre o tórax e a virilha. A intensidade desse problema varia de acordo com a sua causa, podendo se manifestar de forma recorrente ou contínua, aguda ou crônica.

Por que a dor abdominal é um desafio para o médico?

A dor abdominal, chamada popularmente de dor na barriga, é muitas vezes um desafio para o médico, dada a grande quantidade de diagnósticos diferenciais possíveis. Na maioria das vezes, a dor abdominal é um evento benigno e autolimitado. Todo mundo já sentiu dor na barriga de leve intensidade que desapareceu sem necessidade de tratamento médico.

Quanto tempo dura a dor no abdômen após a ingestão de álcool?

Essa inflamação costuma surgir de 1 a 3 dias após grande ingestão de álcool, manifestando-se com uma intensa dor em toda a região superior do abdômen, incluindo ambos os hipocôndrios e o epigástrio. Além de durar vários dias, essa dor costuma estar acompanhada de vômitos e piorar após a alimentação.

O que acontece com a dor abdominal no final da gravidez?

Além disso, a dor abdominal no final da gravidez também é normal e, geralmente, está relacionada ao estiramento dos músculos, ligamentos e tendões devido ao crescimento da barriga e, por isso, a grávida deve repousar várias vezes durante o dia. Atualizado por Flávia Costa, Farmacêutica em Fevereiro de 2022.

Postagens relacionadas: