Marrocos

marrocos

Como entrar no Marrocos?

Brasileiros que visitam o Marrocos por até 90 dias têm isenção de visto. Não há nenhuma vacina obrigatória para entrar no país. Porém, é sempre recomendável estar em dia com vacinas de hepatite, tétano e até mesmo gripe. Sem contar a de febre amarela, obrigatória para a entrada em outros destinos da África, como a África do Sul.

Quais são as principais informações gerais sobre o Marrocos?

Informações gerais sobre o Marrocos. Língua oficial: árabe. Capital do país: Rabat. Maior cidade: Casablanca. Clima: Mediterrâneo e desértico. Área territorial: 446 550 km2 – 56º maior. População: 31,9 milhões de habitantes. Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Por que fazer voluntariado no Marrocos?

Antes de escolher fazer voluntariado no Marrocos eu já sabia que essa seria uma experiência única, pelas diversas cidades turísticas e atrações naturais diferentes como praias, montanhas, rios, cachoeiras e o deserto, o que eu não sabia é que iria me apaixonar pela gastronomia e que iria conhecer tanta gente acolhedora.

Quais são os requisitos para viajar ao Marrocos?

Viagens internacionais ao Marrocos são permitidas para viajantes vacinados. É necessário cumprir os requisitos para garantir que a entrada seja permitida. Os viajantes são obrigados a apresentar um certificado internacional válido para vacinação completa contra COVID-19 com o uso de uma vacina aprovada pelo país emissor.

Como entrar em Marrocos a partir de 7 de fevereiro?

A partir de 7 de fevereiro, serão retomados os voos com destino a Marrocos. Para entrar no país, os passageiros deverão: - apresentar obrigatoriamente um certificado de vacinação e um teste PCR com resultado negativo, realizado menos de 48h antes do embarque

Como chegar ao Marrocos?

Para chegar ao Marrocos, os brasileiros terão de fazer escala em algum país que aceite o procedimento (como a Suíça ou a África do Sul). Isso porque a Royal Air Maroc, companhia que realiza voos diretos de São Paulo e Rio de Janeiro para Casablanca, suspendeu a rota no início da pandemia e ainda não anunciou o retorno.

Postagens relacionadas: