Acerola

acerola

Qual é a origem da acerola?

A acerola é uma espécie originária da América Central (Antilhas), com morfologia, floração, raiz, árvore e sementes (caroços) típicos de uma espécie tropical, que desenvolve-se bem em quase todos os tipos de terrenos, com uma admirável resistência às mais variadas condições climáticas, além de uma beleza rústica simplesmente fascinante.

Qual é a vitamina da acerola?

A acerola é uma fruta ácida, muito rica em vitamina C, visto que ela possui uma maior quantidade desta vitamina que várias laranjas juntas. Ela também possui vitaminas B1, B2 e A.

Quanto tempo dura a floração do pé de acerola?

Para se ter uma noção, da floração do pé de acerola, até a sua colheita, são apenas 21 dias, caracterizando essa árvore como uma das frutas tropicais que mais rapidamente transforma suas flores em frutos maduros. Isso ocorre pelo tamanho diminuto dos frutos, e também pelo clima propício do Brasil, onde a maturação da acerola é intensificada.

Qual é o sabor das acerolas?

Quanto ao sabor, as acerolas podem ser doces, ácidas e super-ácidas sendo que sua utilização é maior na produção de sucos, o que não a restringe a outras finalidades. A fruta é bastante utilizada por pessoas com gripe, afecções pulmonares, doenças do fígado, doenças nasais e gengivais.

Quais são as variedades de acerola?

Existem mais de 40 variedades de acerola que são cultivadas no Brasil e as principais são Apodi, Cabocla, Cereja, Okinawa, Rubra e Sertaneja. A aceroleira é uma planta rústica que se desenvolve bem em clima tropical e subtropical, sendo resistente à temperatura próxima a zero grau Celsius.

Por que a acerola é tão importante no Brasil?

A aceroleira é uma árvore de 2 a 4 metros de altura, com ramificação compacta ou espalhada. Adquiriu importância mundial devido ao alto teor de vitamina C, além de ser boa fonte de vitamina A (caroteno), ferro, cálcio e tiamina.

Como é consumida a acerola?

Na metade da década de 90, no mundo todo, a acerola está sendo amplamente consumida in natura ou em sucos processados a partir da própria fruta congelada; em geleias, marmeladas, compotas, licores ou refrescos.

Qual a estrutura morfológica da acerola?

Toda essa estrutura morfológica da acerola, que envolve raiz, caroços, florações e copa da árvore, a caracteriza como uma espécie do tipo arvoreta, que desempenha bem o papel que se espera de uma variedade tipicamente ornamental.

Qual a temperatura ideal para o pé de acerola?

A temperatura ideal para o pé de acerola é de 18ºC até os 32ºC. Nessa temperatura, considerada um intervalo bastante amplo dentre os botânicos, a acerola pode oferecer seu máximo rendimento, desde que sejam supridas também suas necessidades de água, adubagem e luminosidade.

Qual é o fruto do pé de acerola?

Além disso, o fruto do pé de acerola é uma pequena esfera vermelha, que se liga aos galhos por um fino caule. Com duas ou três sementes em seu interior, a sua polpa é de um alaranjado vivo muito bonito, com um gosto levemente azedo, mas que se torna mais doce conforme os cuidados do cultivo são seguidos com rigor.

Por que a acerola é tão importante para o cultivo?

Além disso, toda acerola vem com ao menos duas sementes em seu interior. E por conta de sua rápida floração, a acerola é frequentemente comercializada in natura, sem passar por processos químicos para lavagem ou mesmo por congelamento, o que garante que a maioria das sementes estarão aptas para o cultivo.

Como é feita a propagação da acerola?

A propagação da acerola se dá essencialmente por via das sementes. Isso é comum em frutos com uma alta taxa de germinação, como é o caso desse fruto. Além disso, toda acerola vem com ao menos duas sementes em seu interior.

Postagens relacionadas: