Alice no pais das maravilhas lisboa

alice no pais das maravilhas lisboa

Qual a origem da obra Alice no País das Maravilhas?

Mapa Alice no País das Maravilhas é uma obra de Lewis Carroll escrita em 1865, e desenvolve-se numa lógica característica dos sonhos, tendo o autor utilizado recursos linguísticos e charadas matemáticas como forma de sátira dirigida tanto às pessoas das suas relações como à sociedade da época.

Quando vai ser o espetáculo de Alice no País das Maravilhas?

Alice no País das Maravilhas Alice no País das Maravilhas Entre 4 e 19 de dezembro, a Orquestra Sinfónica Portuguesa, dirigida por José Eduardo Gomes, integra o espetáculo da Companhia Nacional de Bailado, através da interpretação da poderosa partitura de Tchaikovski. Descrição Mapa

Quanto tempo leva para visitar o mundo mágico de Alice?

O tempo de visita pode demorar entre uma a duas horas, tudo depende do visitante e do tempo que este se demorar no mundo mágico de Alice e aceitar os seus desafios ao longo de um percurso cheio de surpresas, como até encontrar a pequena Alice ou o Coelho Branco, até ao grande chá do Chapeleiro Louco e à foto da praxe num cenário muito especial.

Quem inventou a história de Alice no País das Maravilhas?

Com o título original As Aventuras de Alice no País das Maravilhas, a célebre obra escrita por Lewis Carroll, pseudônimo de Charles Lutwidge Dodgson, foi publicada em 4 de julho de 1865. Trata-se de uma obra infantil que conquistou leitores e apaixonados de todas as idades e gerações.

Quais são as principais características de Alice no País das Maravilhas?

Desde sua publicação, Alice no País das Maravilhas chama a atenção por permitir inúmeras interpretações possíveis. Além disso, apesar de ser uma obra infantil, traz temas que oferecem críticas e reflexões à sociedade da época. A aventura começa assim que Alice decide perseguir um Coelho Branco, mergulhando em sua toca.

Qual foi a primeira edição de Alice?

Tenniel ficou descontente com a impressão, e uma nova primeira edição foi impressa em dezembro de 1865. Em um ano, Alice seria um campeão de vendas da era Vitoriana, com cinco mil exemplares vendidos.

Postagens relacionadas: