Geracao chupeta

geracao chupeta

Por que os pais devem oferecer a chupeta ao bebê?

Porém, é fato que o uso da chupeta, com o intuito de “acalmar o bebê”, vem sendo passado de geração a geração, e se constituiu num hábito cultural. Mas, quando o assunto é chupeta, há muitas dúvidas e contradições. Afinal, os pais devem ou não oferecer a chupeta ao bebê? Quais riscos à saúde ela pode oferecer?

O que fazer quando o bebê pega a chupeta?

Fique de olho e, quando o bebê quiser a chupeta, providencie algo para substituí-la; Se o bebê pega a chupeta quando está entediado, ofereça alguma atividade mais interessante, como um livro para folhear, por exemplo. Ou ainda, faça caretas engraçadas para distraí-lo;

Como escolher a melhor chupeta para sua criança?

As chupetas ortodônticas são projetadas para minimizar prejuízos no desenvolvimento bucal e dentição das crianças. Elas se encaixam de forma anatômica no palato e proporcionam um posicionamento correto da língua durante a sucção. Por isso, devem sempre ser a sua primeira opção de compra.

Qual o tempo que a criança costuma usar a chupeta?

A pediatra explica que o tempo que a criança costuma usar a chupeta depende do ambiente em que ela vive, da relação familiar com a criança e com a chupeta. “Recomenda-se que se a criança for usar (o que a maioria dos profissionais desencoraja), esse uso deve ser até um ano de idade”, diz.

Qual a importância da chupeta para o bebê?

A sucção ou ato de sugar é um comportamento reflexo do bebê que pode ser observado já no útero materno. Em ultrassonografias, por exemplo, é possível observar alguns bebês chupando o dedinho. Esse reflexo é vital para a sobrevivência, crescimento e desenvolvimento psíquico do bebê.

Qual a importância da chupeta no enxoval do bebê?

A chupeta é um objeto comum no enxoval do bebê, e muitos pais a consideram um recurso válido para acalmar os filhos no início da vida. O objeto, contudo, é associado em estudos a uma possível interferência no desenvolvimento oral e na amamentação, principalmente se utilizado com frequência.

Qual o tempo que a criança costuma usar a chupeta?

A pediatra explica que o tempo que a criança costuma usar a chupeta depende do ambiente em que ela vive, da relação familiar com a criança e com a chupeta. “Recomenda-se que se a criança for usar (o que a maioria dos profissionais desencoraja), esse uso deve ser até um ano de idade”, diz.

Por que meu bebê mama no peito e usa chupeta?

Chupeta pode ser útil para reduzir o stress em recém-nascidos? O uso da chupeta pode ser adotado como forma de confortar o bebê quando submetido a procedimentos dolorosos ou estressantes, relacionados a momentos de agitação, irritação ou choro intenso.

Como escolher a melhor chupeta para bebê?

O escudo, com aberturas de circulação de ar, tem base angular, para se ajustar melhor ao rosto do pequeno. Se o seu bebê perde a chupeta durante a noite e chora, o modelo da NUK pode ser uma boa solução. O botão central da chupeta brilha no escuro, facilitando encontrá-la mesmo com as luzes apagadas.

Quais são as vantagens de usar chupetas?

A maior vantagem de usar as chupetas, é o fato de que elas trazem muito conforto e acalmam para os bebês. Além disso, um estudo divulgado pela Academia Americana de Pediatria, comprovou que as crianças que possuem entre 1 e 12 meses de idade, e ainda usam, apresentam menos risco de morte súbita.

Qual a melhor chupeta para recém-nascido?

Sendo a melhor chupeta para recém-nascido, a Soothie da marca Philips é calmante e ajuda os bebês a adormecerem. O design dela é feito especialmente para bebês de 0 a 3 meses.

Quais são as melhores chupetas para bebês prematuros?

Também há chupetas desenvolvidas especialmente para bebês prematuros, inclusive para aqueles nascidos antes das 30 semanas. São mais leves e pequenas e imitam a forma do polegar do recém nascido. Por fim, as chupetas ortodônticas promovem um apropriado desenvolvimento da cavidade oral.

Postagens relacionadas: