Greve amanhã

greve amanhã

Como funciona a greve do motorista?

A categoria reivindica hora de almoço remunerada e pagamento de Plano de Lucros e Resultados (PLR). A greve foi aprovada durante assembleia comandada nesta tarde pelo SindMotoristas, o sindicato da categoria.

Quais são os trabalhadores que emitiram pré-avisos de greve?

Professores, médicos, funcionários das finanças e alfândegas, bombeiros profissionais, são alguns dos trabalhadores que emitiram pré-avisos de greve para o dia de amanhã.

Qual foi a última greve geral do sector público?

A última greve geral do sector público ocorreu em Novembro de 1992 contra a ”lei dos disponíveis” de Cavaco Silva, agora ressuscitada pela ministra das Finanças, Manuela Ferreira Leite, e denominada “lei dos supranumerários”.

Por que os funcionários públicos vão estar em greve?

Funcionários públicos de todo o País vão estar amanhã em greve contra as medidas previstas no Orçamento do Estado para o sector. Segundo os sindicatos, vários serviços vão encerrar e outros funcionar com algumas dificuldades, já que esperam uma elevada adesão de trabalhadores à paralisação.

Como está a greve dos motoristas em Portugal?

Portugal vive por estes dias sob a ameaça da greve dos motoristas agendada para 12 de agosto, por tempo indeterminado – o Governo está a negociar com sindicatos e patrões, mas ainda não há “fumo branco” à vista.

Quem pode fazer greve?

Quem pode fazer greve? Todos os trabalhadores (exceto os trabalhadores que não lhes é concedido o direito à greve como é o caso dos militares, forças de segurança, juízes e deputados) independentemente do seu vínculo laboral ou do setor de atividade, têm o direito incontestável de fazer greve.

Quem é obrigado a cumprir serviços mínimos durante uma greve?

Apenas empresas, atividades e profissões que se destinam à satisfação de necessidades sociais impreteríveis ou de serviços essenciais para a segurança e manutenção de equipamentos e instalações é que estão obrigadas por lei a cumprir serviços mínimos durante uma greve.

Quais são os direitos e obrigações dos trabalhadores durante uma greve?

Se o trabalhador estiver a receber uma prestação da Segurança Social ou devido a acidente de trabalho ou a doença profissional, o pagamento mantém-se. No entanto, perde o direito à retribuição, ou seja, não recebe o salário referente ao período em que faltou. Essa é, aliás, apontada como a maior desvantagem por quem faz greve.

Quem pode fazer greve? Todos os trabalhadores (exceto os trabalhadores que não lhes é concedido o direito à greve como é o caso dos militares, forças de segurança, juízes e deputados) independentemente do seu vínculo laboral ou do setor de atividade, têm o direito incontestável de fazer greve.

Quem é obrigado a cumprir serviços mínimos durante uma greve?

Quando foi a greve geral no Brasil em 2019?

Protesto contra a Reforma da Previdência, em defesa da educação e por mais empregos. A greve geral no Brasil em 2019 aconteceu no dia 14 de junho, dois anos após a greve geral de 28 de abril de 2017. O movimento foi um protesto contra a reforma da previdência do governo Jair Bolsonaro e contra cortes na educação.

Quais foram as principais características das greves no Brasil?

As principais demandas das greves são: melhores condições de trabalho, melhores salários, e o tempo de trabalho. A luta maior por trás dessas exigências é a disputa entre trabalhadores e empresários sobre o poder do trabalho, ou seja, o controle que os trabalhadores possuem ou não sobre seu próprio trabalho.

Quais foram os motivos da greve geral de 1917?

A Greve Geral de 1917 foi um movimento provocado pelos operários e comerciantes de São Paulo nos meses de junho e julho. Os trabalhadores pediam melhores condições de trabalho e aumento de salário. Depois de cinco dias de paralisação geral, os grevistas tiveram suas reivindicações atendidas. Aspecto de uma fábrica em São Paulo na década de 10.

Postagens relacionadas: